AIRBNB X HOTÉIS

airbnb-a8707ed9_original
VIAGENS
OUTUBRO 24.2016
airbnblogo
Foto Divulgação: Site Oficial Airbnb

A AirBnb está virando o maior concorrente de hotéis no mundo.  Testamos o serviço e contamos para vocês os prós e contras.

A AirBNB é a maior empresa imobiliária do mundo sem possui qualquer bem imobiliário próprio. Esse serviço de aluguel de imóveis por temporada vem conquistado viajantes do mundo não apenas pelos valores inferiores aos oferecidos em hotéis, mas por proporcionar a experiência de nossa casa longe de casa. Não é à toa que o slogan do Airbnb é: “O mundo é a tua casa!”

235ad3a
Foto Divulgação: Site Oficial Airbnb

O Airbnb foi fundado em agosto de 2008 e com sede em São Francisco, Califórnia, o Airbnb é um mercado comunitário para pessoas anunciarem, descobrirem e reservarem acomodações únicas ao redor do mundo, seja de um computador, de um celular ou de uma tablet.

Não importa se você precisa de um apartamento por uma noite, um castelo por uma semana ou um condomínio por um mês: o Airbnb conecta as pessoas à experiências de viagem únicas, preços variados, em mais de 34.000 cidades e 191 países. Com um serviço de atendimento ao consumidor de nível internacional e uma comunidade de usuários em crescimento constante.

Para buscar e encontrar imóveis no AirBnB existe um aplicativo onde fazemos um cadastro via facebook ou via e-mail para facilitar o registro e controle da reserva. Ou diretamente pelo site: https://www.airbnb.com.br/

O aplicativo do Airbnb lembra muito um aplicativo comum de reserva de hotéis, isto é, possui links para inserir datas, cidade, número de hóspedes e até animais de estimação. Existe ainda sugestões de acomodações na página inicial do aplicativo.

Então o que então diferencia o Airbnb de hotéis?

Em primeiro lugar a experiência de ficar em um local que se aproxima ao conforto da sua casa sem os serviços de hotel.

airbnb-a8707ed9_original
Foto Divulgação: Site Oficial Airbnb

A flexibilidade de check-incheck-out são diversas também. Apesar do aplicativo oferecer horários para check-in e check-out é possível dialogar com o proprietário e flexibilizar esses horários a depender da disponibilidade do dono do apartamento. Isso inclusive aconteceu comigo. Tinha um vôo que chegava muito cedo e partia a noite então contactei a proprietária do flat que aluguei, no aplicativo e ela flexibilizou meu horário de entrada e saída sem cobrar taxas extras. Mas esse foi o meu caso, possa ser que para ter essa flexibilidade de entrada e saída outro proprietário cobre uma taxa extra para isso.

Achei muito legal termos esse contato direto com o proprietário dos apartamentos, porque assim podemos esclarecer nossas dúvidas diretamente. O aplicativo possui um chat de mensagens. Nossa linha direta com os proprietários.

O AirBnb lhe dá a opção de alugar um apartamento ou um quarto ou ainda compartilhar um quarto. Eu optei por alugar um flat com serviço de hotel como minha primeira experiência. Não tem como a gente não ficar um pouco pé atrás de alugar um apartamento de um estranho e apesar do aplicativo ter relatos de pessoas que já se hospedaram no apartamento. Achei melhor optar por ficar num local que me desse acesso a serviços de hotel.

O Flat que fiquei em São Paulo, estava localizado próximo ao Hotel Unique no Itaim. Teve um valor ótimo comparado a hotéis na mesma região. Digamos que paguei a metade do valor de um hotel na mesma região. O flat era menor que parecia nas fotos, mas tudo bem! Estava limpo e organizado e o serviço de limpeza estava incluso nas diárias  do quarto. O que não gostei foi a qualidade dos lençóis que estavam muito velhos e rasgados, apesar de limpos! Esse é um ponto que diferencia os hotéis de apartamento alugados, a qualidade de móveis e utensílios do lar. Mas tudo o que estiver de errado no apartamento você poderá fazer uma reclamação no próprio Airbnb. No meu caso a proprietária foi tão legal e solicita que fiz a crítica diretamente a ela.

O pagamento do imóvel alugado é feito antecipadamente e você tem a opção de dividir o valor em 3X no cartão de crédito, outro ponto positivo do Airbnb!

Esse aplicativo não apenas conquistou meros mortais como nós, mas tenho vistos muitos artistas propagando a cultura de alugar apartamentos por temporada pelo mundo.

Uma coisa bacana de ficar num apartamento alugado é poder receber amigos, poder preparar ou ter sua própria comida. Em hotel mal conseguimos ter nossa própria água e ficamos dependentes dos serviços dos mesmos.

Em contrapartida, os hotéis oferecem serviço de quarto e salvam a nossa vida quando estamos desesperados de fome e não podemos esperar um delivery! Ponto para os hotéis!

Existem todos os tipos de apartamentos de acordo com o orçamento de cada um. O legal é poder levar sua família para as viagens e hospedá-los em um local que lembre a sua casa por um valor acessível. Outra coisa, viajar com crianças, especialmente com bebês quem tem determinadas necessidades como por exemplo, esterilização de mamadeiras e preparo de sua alimentação são tarefas difíceis de serem realizadas em hotéis, pois os mesmos não disponibilizam espaços para isso.

Para poder escrever essa matéria, fiz questão de ter uma experiência com o aplicativo, mas também entrevistei amigos que também utilizaram os serviços do aplicativo.

Uma conhecida alugou um quarto uma vez e teve uma experiência ótima! Fez novos amigos e voltaria para esse mesmo apartamento.

Um grupo de amigos, todos casais, alugaram um apartamento durante um fim de semana no Rio e também ficaram muito satisfeitos, mas reclamaram também das roupas de cama que estavam velhas. Parece que isso é meio comum!

Outros amigos alugaram um apartamento em Florença na Itália e também adoraram a experiência. Ressaltaram a flexibilidade de check-in e check-out!

Da mesma maneira que existem experiências positivas, existem as negativas. É muito importante pesquisar e ler as experiências que as pessoas tiveram na propriedade que você tem interesse em alugar. E ter mais cuidado ainda em compartilhar quartos ou alugar quartos em casas. Nunca sabemos o que esperar das pessoas e precisamos ser cautelosos em relação aos nossos bens e a nossa vida durante a experiência!

A Airbnb não se responsabiliza em caso de roubos ou quaisquer outros acontecimentos desagradáveis durante a sua estadia. Existem processos contra a Airbnb que dizem o contrário. Óbvio que pessoas já tiveram problemas com suas estadias e buscam culpados. Essa inclusive foi uma das razões que fui cautelosa na minha primeira experiência.

No geral a experiência foi muito boa e provavelmente faria de novo. Sempre com muita cautela e pesquisa. Mas se você está procurando o conforto e os serviços de um hotel, esse sistema não se aplica as suas necessidades. O sistema Airbnb é um sistema de hospedagem mais econômica e está longe de ter um padrão de hotel.

Abaixo segue uma tabela comparativa entre os serviços do Airbnb e dos Hotéis:

AIRBNB

HOTEL
*Hospedar uma família inteira por um valor mais acessível. *Nem todos os hotéis possuem quartos compartilhados para uma família. E muitas vezes existem apenas uma quantidade limitada de quartos compartilhados.
*Pagamento pode ser parcelado. *A maioria dos hotéis o pagamento é a vista.
*Check-in e Check-out pode ser flexível de acordo com o proprietário. *Check-in e Check-out raramente flexíveis.
*Se hospedar com o conforto, privacidade de uma casa/apartamento. *Ter limitações por estar em hotel como por exemplo: receber amigos; ter e cozinhar sua própria comida.
*A maioria dos imóveis alugados não possuem serviço de quarto (alimentação) mas possuem limpeza com taxa inclusa na diária. *Ter serviços como:  alimentação,  limpeza, reserva em restaurantes, etc.
*Nem todos imóveis alugados disponibilizam de serviços de Wi-fi e TV a cabo. *A maioria dos hotéis disponibiliza serviços de Wi-fi e TV a cabo.
*Os utensílios e móveis da casa podem estar deteriorados e velhos. E será muito difícil que durante a sua estadia isso seja resolvido. *Geralmente em hotéis temos utensílios de casa novos como: roupa de cama, travesseiros, secadores, etc. E se não estiverem em bom uso podemos reclamar e solicitar a troca imediata.
*Em caso de furto e/ou roubo a Airbnb não se responsabiliza. *Em caso de furto e/ou roubo os hotéis em sua maioria podem e serão responsabilizados.

 

Share This:

Gaby Negromonte

Autor: Gaby Negromonte

Mãe, Estilista, Stylist, Consultora Criativa, Consultora de Moda, Consultora de Imagem, Técnica em Ciência Têxtil, Empresária, Turismóloga, Globe Trotter, Poliglota e Curiosa…

2 pensamentos em “AIRBNB X HOTÉIS”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *